Protocolo dentário: quais as vantagens de realizar esse procedimento?

Pacientes



Os amigos ao redor, e você conversa com eles, sorrindo alegremente ao lembrar de histórias do passado. Com descontração, morde e mastiga uma maçã nos intervalos da fala e se mantem confiante ao longo da tarde. 

Parece algo simples, não é mesmo? Mas, por diferentes motivos, pessoas perdem seus dentes e enfrentam diariamente problemas como dificuldade de mastigar, de falar e de aceitar a própria imagem. Mesmo aquelas que usam dentadura removível podem viver com receio de passar por momentos constrangedores pelo fato de que essa prótese pode cair, quebrar ou não favorecer sua aparência.

Uma das melhores alternativas para substituição de dentes é a prótese protocolo. A seguir, falaremos mais sobre ela e seus benefícios. 

​O que é protocolo dentário?

Protocolo dentário é a implantação de próteses fixas como solução para quem perdeu os dentes da arcada inferior, da superior ou de ambas. Após a colocação dos implantes e o período necessário para que ocorra a integração destes à estrutura óssea da maxila, são fixados os dispositivos com as próteses dentro da quantidade de sessões indicada para cada caso. 

A cirurgia é indolor, por ser feita depois da aplicação de anestésico e da administração de analgésicos. Para garantir a segurança do paciente e confirmar se o tratamento é adequado para este, o profissional solicita exame de imagem e de sangue antes da indicação do procedimento. 

​Quais os benefícios do tratamento?

Mais naturalidade

As próteses são feitas de resina ou cerâmica, materiais aos quais hoje é possível atribuir coloração próxima à da dentição natural. Apesar de ser utilizado mais de um dispositivo protético, não é perceptível onde cada um deles começa ou termina, o que também favorece a estética do paciente.

Melhora na mastigação e na mordida

A prótese do tipo protocolo tem mais pontos de fixação do que as dentaduras removíveis, o que permite morder com mais confiança. Com ela, em torno de 85% da capacidade mastigatória também é restabelecida. Restrições alimentares não existem mais para quem opta por seu uso.

Melhoras na fala e estabilidade

Não há movimentação dos dentes na boca, proporcionando mais liberdade no contato social e melhor apoio dos dentes ao articular as palavras.

Nada de dor

Como o implante é instalado na estrutura óssea, não há contato direto do dispositivo protético com a gengiva, o que ocorre com a dentadura removível. Assim, o osso continua recebendo estímulo e não passa pelo processo de reabsorção, no qual ele se tornaria mais fino e sensível. Essa distância da gengiva também evita cortes e machucados. 

Ótima durabilidade

Desde que haja boas práticas de higiene bucal, a dentadura fixa pode durar muitos anos. Além disso, há possibilidade de ser retirada pelo profissional para reparos caso seja necessário.

Gostou? Agende já uma consulta e venha fazer uma avaliação.

Tratamento