Incidência de câncer oral aumenta nos Estados Unidos

Incidência de câncer oral aumenta nos Estados Unidos

Incidência de câncer oral aumenta nos Estados Unidos Segundo dados recentemente publicados, o diagnóstico de câncer oral aumentou mais de 60% desde 2011. Os dados também mostraram que a doença atinge aos homens três vezes mais frequentemente que às mulheres. O maior aumento ocorreu na neoplasia maligna da nasofaringe, orofaringe e hipofaringe e a segunda maior em neoplasia maligna da língua. Os casos foram mais frequentes em indivíduos com idade acima de 46 anos. Entre 2011 e 2015, a incidência aumentou no grupo entre 56 e 65 anos e diminuiu em pessoas acima de 65 anos de idade. De acordo com estimativas da American Cancer Society, mais de 48.000 americanos irão desenvolver câncer de cavidade oral ou faringe em 2016 e cerca de 9.500 pessoas vão morrer da doença. Fonte: Dental Tribune